Livros imperdíveis que marcaram a literatura curitibana

Pinó traz seleção de livros que marcaram a literatura de Curitiba

Em comemoração aos 330 anos de Curitiba, a Pinó apresenta uma seleção de livros que transformaram o cenário literário do Paraná e do Brasil. As recomendações são diversificadas e incluem poesia, contos e romances de autores clássicos e contemporâneos, oferecendo aos leitores uma oportunidade única de mergulhar nas raízes culturais da cidade.

Entre as obras selecionadas, destaca-se Toda Poesia, de Paulo Leminski, uma compilação de todos os poemas publicados pelo autor curitibano. Com versos marcantes e linguagem coloquial, Leminski é um dos poetas mais populares da literatura brasileira. Publicado em 2013, o livro continua sendo relevante até hoje.

Poesia singular e contos irônicos

A escritora experimental Luci Collin é outra autora presente na seleção com seu livro A Palavra Algo, ganhador do segundo lugar na categoria Poesia do prêmio Jabuti em 2017. Com uma poesia singular que transita entre gêneros, Collin explora as ambiguidades da língua e as dimensões das palavras.

O Vampiro de Curitiba, escrito por Dalton Trevisan, é uma coletânea de contos com elementos de humor e ironia que deixam os personagens à mercê do prazer. Considerado um dos maiores contistas da língua portuguesa, Trevisan recebeu o prestigioso Prêmio Camões por sua extensa e qualificada obra.

Poesia japonesa e romances marcantes

Helena Kolody dedicou sua carreira à poesia e se destacou por seus haicais, sendo considerada a primeira mulher a escrevê-los e publicá-los no Brasil. Infinita Sinfonia é uma compilação de mais de 500 poemas, fotos e textos escritos à mão pela autora, uma leitura indispensável para apreciadores da poesia japonesa.

Cristóvão Tezza é autor de A Suavidade do Vento, um romance que acompanha a história de um professor de português em uma pequena cidade do interior paranaense. Com personagens complexos, seus romances são marcantes na literatura contemporânea brasileira.

Humor cortante e narrativas divertidas

Por fim, Tudo pode ser Roubado, da jovem curitibana Giovana Madalosso, é um romance com uma protagonista garçonete que acumula economias por meio de furtos durante encontros eventuais. Com humor cortante e narrativas divertidas, o livro foi finalista do Prêmio São Paulo de Literatura.

As obras recomendadas têm preços variados e podem ser encontradas na Amazon ou no site da Editora Insight. São leituras obrigatórias para aqueles que querem entender melhor a rica cultura literária não só da cidade de Curitiba, mas também do estado do Paraná e do país como um todo.

Livro Autor Gênero
Toda Poesia Paulo Leminski Poesia
A Palavra Algo Luci Collin Poesia
O Vampiro de Curitiba Dalton Trevisan Contos
Infinita Sinfonia Helena Kolody Poesia
A Suavidade do Vento Cristóvão Tezza Romance
Tudo pode ser Roubado Giovana Madalosso Romance

A Pinó traz uma seleção de livros que marcaram o cenário literário do Paraná e do Brasil, em celebração aos 330 anos de Curitiba. São obras diversificadas que abrangem poesia, contos e romances de autores clássicos e contemporâneos, como Paulo Leminski, Luci Collin, Dalton Trevisan, Helena Kolody, Cristóvão Tezza e Giovana Madalosso. As recomendações são leituras obrigatórias para aqueles que querem entender melhor a rica cultura literária não só da cidade de Curitiba, mas também do estado do Paraná e do país como um todo. Descoberta nova espécie de peixe na Amazônia

Com informações do site G1.

Katia Rangel Katia Rangel

erente de projetos do portal. Graduada em Letras, tem como missão cuidar da parte técnica do site e garantir que tudo esteja sempre funcionando perfeitamente. Graduada em Letras pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Katia Rangel é a gerente de projetos do portal Bienaldolivrojf.com.br.

Deixe um comentário