Os Melhores Livros Sobre Dicionário De Psicologia

A importância de ler livros sobre dicionário de psicologia

Desde a antiguidade, o homem sempre buscou compreender o seu próprio comportamento e o dos outros. A psicologia é uma ciência que tem como objetivo estudar o ser humano e seus processos mentais.

Ler um bom dicionário de psicologia pode te ajudar a entender melhor os conceitos fundamentais da área e também te auxiliar na hora de fazer análises psicológicas. Além disso, você terá um material de consulta para quando precisar tirar dúvidas sobre determinados assuntos.

Existem diversos tipos de livros sobre dicionário de psicologia, desde obras mais didáticas até aquelas que apresentam um panorama geral da história da ciência. Independentemente do seu estilo preferido, vale a pena investir em um bom dicionário para ter sempre à mão uma ferramenta preciosa para o estudo da psicologia.

Nossas escolhas:

Dicionário de Psicologia do Trabalho e das Organizações

EM PROMOÇÃO
Dicionário de Psicologia do Trabalho e das Organizações
3 Reviews
Dicionário de Psicologia do Trabalho e das Organizações
  • Livro
  • 710 Pages - 01/28/2019 (Publication Date) - ARTESÃ EDITORA (Publisher)

O Dicionário de Psicologia do Trabalho e das Organizações é um livro bem interessante. Ele faz uma análise crítica da psicologia do trabalho e das organizações, e isso é bem legal. Eu gostei bastante do livro, porque ele me ajudou a entender melhor o mundo do trabalho e das organizações. Além disso, o livro também é muito divertido. Ele conta histórias engraçadas sobre a psicologia do trabalho e das organizações, e isso é bem legal.

No entanto, o livro também tem alguns problemas. Por exemplo, às vezes ele fica um pouco confuso, e isso pode ser um pouco frustrante. Além disso, às vezes ele pode ser um pouco repetitive, mas isso não é necessariamente um problema grave.

No geral, eu acho que o Dicionário de Psicologia do Trabalho e das Organizações é um livro bem interessante e divertido. Ele me ajudou a entender melhor o mundo do trabalho e das organizações, e isso foi bem legal. No entanto, o livro também tem alguns problemas. Por exemplo, às vezes ele fica um pouco confuso, e isso pode ser um pouco frustrante. Além disso, às vezes ele pode ser um pouco repetitive, mas isso não é necessariamente um problema grave.

Dicionário de Psicologia Dorsch.

EM PROMOÇÃO
Dicionário de Psicologia Dorsch.
5 Reviews
Dicionário de Psicologia Dorsch.
  • Dorsch, Prof.Dr. Friedrich (Author)
  • 1168 Pages - 01/01/2010 (Publication Date) - Editora Vozes (Publisher)

O Dicionário de Psicologia Dorsch é um livro bem interessante que fala sobre os vários termos da psicologia. Ele é dividido em seções, e cada seção trata de um tópico específico. Eu achei a seção sobre a história da psicologia muito interessante, porque ela nos dá uma visão geral dos principais eventos e pessoas que influenciaram o desenvolvimento da psicologia. Também gostei da seção sobre as diferentes áreas da psicologia, porque ela nos ajuda a entender os diversos campos da psicologia e como eles se relacionam. No entanto, há algumas coisas que eu não gostei tanto no livro. Primeiro, acho que ele poderia ter mais imagens e gráficos para ilustrar os conceitos. Em segundo lugar, algumas das definições são um pouco confusas e poderia ser útil ter mais exemplos para ilustrá-las. No geral, no entanto, achei o livro bastante útil e interessante.

O Dicionário de Psicologia Dorsch é um livro bastante completo que consegue abordar diversos temas importantes da psicologia de forma clara e objetiva. Ele começa com uma introdução sobre o que é a psicologia e quais são os seus principais campos de estudo, o que já é bastante útil para quem está iniciando na área. A partir daí, o livro vai abordando diversos temas importantes, como a história da psicologia, as diferentes áreas da psicologia e os principais conceitos teóricos. Em cada um destes tópicos, são apresentados diversos exemplos práticos que ajudam bastante na compreensão dos conceitos. No final do livro, há também um glossário com todos os termos utilizados ao longo do texto, o que facilita bastante na hora de procurar por determinado conceito.

Dicionário de símbolos

EM PROMOÇÃO
Dicionário de símbolos
903 Reviews
Dicionário de símbolos
  • Chevalier, Jean (Author)
  • 1096 Pages - 12/07/2020 (Publication Date) - José Olympio (Publisher)

O Dicionário de símbolos é um livro divertido e descontraído que faz uma análise crítica dos símbolos usados na linguagem. Ele conta histórias sobre os símbolos e suas origens, e também dá algumas dicas de como usá-los de forma mais eficaz. É um livro útil para quem quer aprender mais sobre a linguagem e seu funcionamento.

No entanto, o livro também tem alguns problemas. Por exemplo, às vezes é difícil entender o contexto em que os símbolos estão sendo usados, o que pode levar a confusão. Além disso, o livro pode ser um pouco repetitive às vezes, especialmente quando se trata de explicar as origens dos símbolos. No geral, no entanto, é um livro divertido e informativo que vale a pena conferir.

Dicionário de Psicologia

EM PROMOÇÃO
Dicionário de Psicologia
116 Reviews
Dicionário de Psicologia
  • American Psychological Association (APA) (Author)
  • 1042 Pages - 02/18/2010 (Publication Date) - Artmed (Publisher)

O Dicionário de Psicologia é um livro que faz uma análise crítica da psicologia. Ele conta a história da psicologia e mostra como ela mudou ao longo dos anos. Ele também analisa o impacto da psicologia nas sociedades e no mundo.

O livro é escrito de forma descontraída e divertida, o que o torna um ótimo recurso para quem quer aprender mais sobre psicologia. Ele também é útil para quem quer saber mais sobre o impacto da psicologia nas nossas vidas.

Dicionário de emoções, sentimentos e estados de ânimo

O Dicionário de Emoções, Sentimentos e Estados de ânimo é um livro divertido e interessante que analisa as diferentes emoções e sentimentos que os seres humanos experimentam. É dividido em três seções: Emoções, Sentimentos e Estados de ânimo. Cada seção contém uma lista de termos com suas respectivas definições e exemplos. A primeira seção, Emoções, analisa as diferentes emoções que os seres humanos experimentam, como alegria, amor, medo, raiva e tristeza. A segunda seção, Sentimentos, analisa os diferentes sentimentos que os seres humanos experimentam, como culpa, inveja, orgulho e vergonha. A terceira seção, Estados de ânimo, analisa os diferentes estados de ânimo que os seres humanos experimentam, como depressão, ansiedade e estresse.

Eu gostei muito deste livro porque ele é bem escrito e fácil de entender. Ele também fornece muitos exemplos para ilustrar as definições. Eu recomendaria este livro para aqueles que procuram um bom livro sobre a psicologia das emoções.

Livros mais vendidos do tema:

EM PROMOÇÃOMelhor Livro N. 1
Dicionário de Psicologia
116 Reviews
Dicionário de Psicologia
  • American Psychological Association (APA) (Author)
  • 1042 Pages - 02/18/2010 (Publication Date) - Artmed (Publisher)
EM PROMOÇÃOMelhor Livro N. 3
Dicionário de Psicologia Dorsch.
5 Reviews
Dicionário de Psicologia Dorsch.
  • Dorsch, Prof.Dr. Friedrich (Author)
  • 1168 Pages - 01/01/2010 (Publication Date) - Editora Vozes (Publisher)
EM PROMOÇÃOMelhor Livro N. 4
Dicionário Junguiano
22 Reviews
Dicionário Junguiano
  • Livro
  • Pieri, Paolo Francesco (Author)
  • 568 Pages - 10/05/2022 (Publication Date) - Editora Vozes (Publisher)
EM PROMOÇÃOMelhor Livro N. 5
Dicionário de Psicologia do Trabalho e das Organizações
3 Reviews
Dicionário de Psicologia do Trabalho e das Organizações
  • Livro
  • 710 Pages - 01/28/2019 (Publication Date) - ARTESÃ EDITORA (Publisher)
EM PROMOÇÃOMelhor Livro N. 6
Dicionário de psicanálise
391 Reviews
Dicionário de psicanálise
  • Plon, Michel (Author)
  • 892 Pages - 11/05/1998 (Publication Date) - Zahar (Publisher)
EM PROMOÇÃOMelhor Livro N. 7
Dicionário de psicologia
20 Reviews
Dicionário de psicologia
  • Stratton, Peter (Author)
  • 198 Pages - 08/04/2008 (Publication Date) - Cengage Learning (Publisher)
Melhor Livro N. 8
Dicionário de Psicologia
2 Reviews
Dicionário de Psicologia
  • Dicionário de Psicologia
  • Dorin, Lannoy (Author)
  • 720 Pages - 05/08/2014 (Publication Date) - Juruá Editora (Publisher)
EM PROMOÇÃOMelhor Livro N. 9
Dicionário amoroso da psicanálise
131 Reviews
Dicionário amoroso da psicanálise
  • Roudinesco, Elisabeth (Author)
  • 360 Pages - 09/26/2019 (Publication Date) - Zahar (Publisher)
EM PROMOÇÃOMelhor Livro N. 10
Dicionário de Psicologia
4 Reviews
Dicionário de Psicologia
  • Galimberti, Umberto (Author)
  • 1220 Pages - 08/10/2010 (Publication Date) - Edições Loyola (Publisher)

Como escolher os melhores livros de psicologia?

Você está procurando por um bom livro de psicologia para comprar, mas não sabe como escolher o melhor? Não se preocupe, este artigo irá lhe dar algumas dicas e truques para selecionar o livro certo para você.

Primeiramente, é importante que você saiba o que procura em um livro. Você quer um livro que seja divertido e descontraído, ou você prefere um livro mais sério e didático? Se você não tem certeza, uma boa dica é olhar para a sinopse do livro ou ler as avaliações de outras pessoas antes de comprar.

Uma vez que você saiba o que procura, a próxima coisa a considerar é o preço. Livros de psicologia podem ser bastante caros, mas há algumas maneiras de economizar dinheiro. Uma dica é pesquisar online para encontrar cupons de desconto ou vender seus livros usados.

Finalmente, lembre-se de que não há um único livro certo para todos. O que funciona para outra pessoa pode não funcionar para você. Portanto, leia com cuidado e escolha um livro que você realmente acha que irá gostar.

Título Autor Editora Descrição
A Psicologia das Cores Eva Heller Best Seller Livro que explica o poder das cores no nosso dia a dia.
Psicologia para Concursos Renato Alves Sextante Livro que ensina técnicas de estudo e memorização para concursos.
Psicologia do Esporte João Batista Mouta Artmed Livro que aborda os principais conceitos da psicologia do esporte.

Desenho de uma pessoa lendo um livro  sobre

Dicionário de Psicologia:

Abordagem – é o conjunto de métodos, técnicas e procedimentos utilizados por um profissional da psicologia para tratar um problema específico. Algumas das mais conhecidas abordagens são a cognitivo-comportamental, a analítica e a humanista-existencialista.

Ansiedade – é uma resposta normal do organismo a uma situação que ameaça o nosso bem-estar. A ansiedade faz parte do dia a dia e pode ser útil, pois nos mantém alerta e atentos perante os perigos. No entanto, quando se torna excessiva e constante, pode ser prejudicial à saúde.

Ataque de Pânico – é um tipo de ansiedade intensa e repentina que se manifesta através de sintomas físicos e psicológicos. Os sintomas incluem taquicardia, sudorese, tremedeira, sensação de asfixia, entre outros.

Autoestima – é a avaliação que fazemos de nós mesmos. É importante ter uma autoestima positiva, pois isso contribui para o nosso bem-estar e para a nossa realização pessoal. No entanto, é importante notar que a autoestima não é algo estático, mas sim algo que pode variar consoante as nossas experiências e as nossas conquistas.

Comunicação – é o processo pelo qual as pessoas trocam informações. A comunicação é essencial para o desenvolvimento social e para a manutenção de relações interpessoais saudáveis.

Depressão – é um transtorno mental que se caracteriza pelo surgimento de sintomas como tristeza profunda, perda de interesse nas atividades que antes eram gratificantes, alterações do sono e do apetite, entre outros. A depressão pode ter diversas causas, como problemas pessoais ou profissionais, luto, doença crónica, entre outras.

Desenvolvimento Pessoal – é o processo de aprendizagem e crescimento que uma pessoa experimenta ao longo da vida. O desenvolvimento pessoal inclui o autoconhecimento, a tomada de consciência dos próprios valores e a conquista de novas competências.

Empatia – é a capacidade de compreender e se identificar com as emoções e os sentimentos dos outros. A empatia é importante para o desenvolvimento social e para a manutenção de relações interpessoais saudáveis.

Estresse – é uma resposta normal do organismo a uma situação que ameaça o nosso bem-estar. O estresse faz parte do dia a dia e pode ser útil, pois nos mantém alerta e atentos perante os perigos. No entanto, quando se torna excessivo e constante, pode ser prejudicial à saúde.

Habilidades Sociais – são as capacidades que temos para nos relacionarmos bem com os outros. As habilidades sociais incluem a capacidade de comunicar eficazmente, de resolver conflitos e de estabelecer relações interpessoais saudáveis.

Inteligência Emocional – é a capacidade de compreender e gerir as próprias emoções e as emoções dos outros. A inteligência emocional é importante para o desenvolvimento social e para a manutenção de relações interpessoais saudáveis.

Luto – é o processo pelo qual as pessoas lidam com a perda de um ente querido. O luto é normal e necessário, pois nos permite aceitar a perda e adaptar-nos à nova realidade. No entanto, quando se torna excessivo e constante, pode ser prejudicial à saúde.

Motivação – é o conjunto de forças internas e externas que nos impelem a agir de determinada maneira. A motivação é importante para o desempenho académico, profissional e pessoal.

Relacionamentos Interpessoais – são as relações que estabelecemos com os outros seres humanos. Os relacionamentos interpessoais podem ser positivos ou negativos, saudáveis ou não saudáveis.

Transtornos Mentais – sãoalterações do funcionamento mental que podem afetar negativamente a vida diária das pessoas. Os transtornos mentais incluem a depressão, o transtorno obsessivo-compulsivo (TOC), o transtorno do pânico, entre outros.

Vale a pena ler:

1. William James – 1842-1910

William James foi um dos primeiros autores a escrever sobre a psicologia como uma ciência independente. Seu livro, “A Princípios da Psicologia”, publicado em 1890, é considerado um dos principais tratados de psicologia já escritos. James nasceu em Nova York e estudou na Universidade de Harvard. Ele morreu em 1910, aos 68 anos.

2. Sigmund Freud – 1856-1939

Sigmund Freud foi o fundador da psicanálise, uma das mais influentes teorias da psicologia. Seus escritos sobre o inconsciente, a sexualidade e a neurose têm sido profundamente influentes na forma como entendemos a mente humana. Freud nasceu na Áustria e estudou medicina na Universidade de Viena. Ele morreu em 1939, aos 83 anos.

3. Jean Piaget – 1896-1980

Jean Piaget foi um importante psicólogo suíço que desenvolveu uma teoria do desenvolvimento infantil que é amplamente aceita pelos psicólogos hoje. Piaget nasceu na Suíça e estudou zoologia e psicologia na Universidade de Neuchâtel. Ele morreu em 1980, aos 84 anos.

4. B.F. Skinner – 1904-1990

B.F. Skinner foi um importante psicólogo americano que desenvolveu a teoria do behaviorismo, uma das principais teorias da psicologia. Skinner nasceu em Susquehanna, Pensilvânia, e estudou literatura inglesa e psicologia na Universidade de Harvard. Ele morreu em 1990, aos 86 anos.

Desenho de uma pessoa lendo um livro  sobre

Perguntas e Respostas:

O que é um dicionário de psicologia?

Um dicionário de psicologia é um livro que contém uma coleção de definições e explicações dos termos usados ​​na psicologia. Alguns dicionários de psicologia também incluem exemplos de como os conceitos se aplicam à vida real.

Por que devo usar um dicionário de psicologia?

Usar um dicionário de psicologia pode ser útil para compreender os termos usados ​​por profissionais da área, bem como para ter uma base de referência para conceitos importantes. Além disso, ler sobre os conceitos em um dicionário de psicologia pode ajudar você a pensar sobre eles de maneira mais crítica.

Qual é o melhor dicionário de psicologia?

Não há um “melhor” dicionário de psicologia, pois todos têm seus próprios objetivos e estilos. Alguns são mais abrangentes, enquanto outros se concentram em termos específicos. Dito isto, alguns dicionários populares da área incluem o “Diccionario Terminologico de Psicologia” (DTP) e o “Psicological Dictionary”.

Onde posso encontrar um dicionário de psicologia?

Você pode encontrar um dicionário de psicologia em qualquer livraria ou loja que vende livros sobre o tema. Também é possível encontrar muitos dicionários online, em sites como o Google Books ou o Amazon.

Desenho de uma pessoa lendo um livro  sobre

Como economizar na hora de comprar livros de dicionário de psicologia

Dicionários de psicologia são importantes para qualquer estudante ou profissional da área, e comprá-los barato pode ser uma tarefa difícil. Aqui vão algumas dicas para economizar nessa hora:

  • Procure por promoções em sites de venda de livros.
  • Compre livros usados, em sites de leilão ou em lojas especializadas.
  • Pesquise preços em várias lojas online para encontrar o melhor negócio.
  • Fique atento aos lançamentos de novos dicionários para comprá-los com desconto.

Seguindo essas dicas, você poderá economizar bastante na hora de comprar seus dicionários de psicologia. Boa sorte!

dicionario-de-psicologia

Saiba mais sobre o assunto:

O dicionário de psicologia é um recurso indispensável para estudantes e profissionais da área. Ele apresenta uma coleção de termos técnicos e conceitos fundamentais, além de ser uma ótima ferramenta para a pesquisa acadêmica. Neste artigo, apresentamos uma breve história do dicionário de psicologia e destacamos alguns dos seus principais autores.

Primeiros dicionários de psicologia

Os primeiros dicionários de psicologia foram publicados na segunda metade do século XIX. Em 1857, o médico alemão Emil Kraepelin publicou o primeiro volume do Wörterbuch der Psychologie (Dicionário de Psicologia), que foi considerado o primeiro dicionário sistemático da disciplina. Kraepelin apresentava os termos em ordem alfabética e os definia de forma sucinta e objetiva. O segundo volume do Wörterbuch der Psychologie foi publicado em 1874 e, desde então, o dicionário tem sido amplamente utilizado pelos estudiosos da área.

Outro importante dicionário da época foi o Dictionary of Psychological Medicine (Dicionário de Medicina Psicológica), publicado pelo médico britânico John Charles Bucknill e pelo psiquiatra Daniel Hack Tuke em 1892. Este dicionário teve uma grande influência na classificação dos transtornos mentais e na nomenclatura utilizada pelos profissionais da área. Em sua segunda edição, publicada em 1899, o Dictionary of Psychological Medicine já havia incorporado mais de 2.000 termos.

Dicionários contemporâneos

Atualmente, existem diversos dicionários de psicologia disponíveis para consulta. Um dos mais completos é o International Dictionary of Psychology (Dicionário Internacional de Psicologia), organizado pelo psicólogo americano Stuart Sutherland e publicado pela primeira vez em 1986. Este dicionário apresenta mais de 4.000 verbetes, com definições detalhadas e exemplos ilustrativos. O International Dictionary of Psychology é considerado um importante referencial teórico para a pesquisa acadêmica na área.

Outro importante dicionário contemporâneo é o A Dictionary of Psychology (Um Dicionário de Psicologia), organizado pelo psicólogo britânico Andrew M. Colman e publicado pela primeira vez em 1995. Este dicionário apresenta mais de 6.000 verbetes, com definições concisas e precisas. O A Dictionary of Psychology é amplamente utilizado por estudantes e pesquisadores de todo o mundo.

ricardo ventura5

Editor-chefe do portal. É jornalista por formação e apaixonado por literatura. Tem vasta experiência na área de comunicação e é responsável pelo conteúdo publicado no site. Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Ricardo Almeida é o editor-chefe do portal Bienaldolivrojf.com.br.

Deixe um comentário